terça-feira, 19 de Novembro de 2019  15:19
PESQUISAR 
LÍNGUA  

Portal D'Aveiro

Inovasis Prescrição eletrónica (PEM), Meios Complementares de Diagnóstico e Terapêutica (MCDT), Gestão de Clínicas Inovasis

Inovanet


RECEITA SUGESTÃO

Creme de Legumes com Natas

Creme de Legumes com Natas

Descascar o alho e as cebolas. Cortar as cebolas em cubos e picar o alho. Descascar as batatas e cortar em cubos. ...
» ver mais receitas


GASTRONOMIA

Entradas

Entradas

Entradas e Aperitivos
Sopas

Sopas

Sopas, Caldos e Cremes
Acompanhamentos

Acompanhamentos

Arroz, Batatas, Legumes,...
Molhos

Molhos

Molhos e Temperos
Sobremesas

Sobremesas

Bolos, Doces, Gelados,...
Vegetariana

Vegetariana

Entradas, Pratos e Sobremesas
Pães e Pizzas

Pães e Pizzas

Massas, Pães e Pizzas
Massas

Massas

Esparguete, Lasanha...
Peixes

Peixes

Atum, Bacalhau, Lulas
Carnes

Carnes

Frango, Vaca, Porco, Peru,...
Bebidas

Bebidas

Bebidas e Cocktails
Internacional

Internacional

Brasil, Angola, China
Saladas

Saladas

Frias e Quentes
Aveiro

Aveiro

Distrito de Aveiro
Marisco

Marisco

Camarão, Lagosta, Sapateira,...



ACOMPANHAMENTOS – ARROZ, BATATAS, LEGUMES…

Envie-nos a sua receita

Arroz à Crioula

Arroz Aromático

Arroz com Cogumelos

Arroz com Cogumelos e Ervas

Arroz com Ervilhas

Arroz com Mel

Arroz Cozido ao Vapor

Arroz de Alho Francês com Passas e Pinhões

Arroz de Beringelas

Arroz de Castanhas

Arroz de Couves de Bruxelas

Arroz de Feijão

Arroz de Maçã

Arroz de Manteiga

Arroz de Pimentos

Arroz de Salsichas

Arroz de Tomate

Arroz Exótico

Arroz Frito

Arroz Grego

Arroz Marroquino

Arroz Mexicano

Arroz Saloio

Arroz Selvagem com Brócolos

Bananas à Milanesa

Batata Gratinada

Batatas à Campagnolle

Batatas à Parisiense

Batatas a Murro

Batatas Duchesse

Batatas em Papelote

Batatas Fritas com Ervas

Batatas Recheadas com Queijo Creme e Ervas

Batatas Salteadas

Batatas-Doces com Ervas Frescas

Bolas de Batata à Hortelão

Bolinhos de Arroz e Queijo

Caçarola de Batata Doce e Maçã

Massa Folhada

Puré de Batata

Página:  [1]  2 

MASSA FOLHADA

Ingredientes:
500 g de farinha
425 g de manteiga ou de margarina de pacote
2 gemas de ovos
2,5 dl de água fria
sal q.b.

Preparação:
Peneire a farinha sobre a mesa, junte uma colher de manteiga macia (trabalhada à mão) misture e faça um monte.

Abra uma cova no meio e deite aí as gemas (se as quiser juntar) e a pouco e pouco a água onde dissolveu o sal.

Amasse rapidamente, molde uma bola e deixe descansar pelo menos 20 minutos.

Estenda a massa em círculo e coloque por cima a gordura cortada em quadradinhos.

Cubra a gordura com a massa de modo a ter uma bola (embrulho).

Estenda a massa com o rolo e farinha dando-lhe a forma de rectângulo comprido.

Dobre a massa em três partes, dê-lhe meia volta e volte a estender e a dobrar da mesma maneira.

Dobre a massa como se disse mais duas vezes obtendo assim seis meias voltas e respectivas dobras.

A massa pode descansar entre cada duas meias voltas ou apenas depois de quatro meias voltas.

Depois de dadas as seis meias voltas deixe a massa descansar 10 minutos pelo menos e estenda-a com a espessura desejada para o fim a que se destina.

Esta é uma das muitas maneiras de como se pode fazer massa folhada.

Pode dizer-se que a preparação da massa folhada se divide em cinco etapas: a preparação da massa de base, a adição da gordura, a dobragem, o corte e a cozedura.

Massa de base:
Pode ser feita só com farinha, água e sal ou pode levar um pouco da gordura total e gemas de ovos.

A água deve estar bem fria e a massa deve ser feita rapidamente para não ganhar elasticidade.

Deve repousar no mínimo 10 minutos.

Adição da gordura:
Pode fazer-se de várias maneiras: toda de uma vez cortada em quadradinhos, num bloco rectangular ou em bola conforme o método que se está a seguir; pode ainda ser repartida em 3 partes e adicionar-se à massa entre as dobragens -- 1.ª, 3.ª, e 5.ª voltas.

Qualquer que seja o método seguido, a gordura deve ter aproximadamente a consistência da massa de base.

Não se bate, amassa-se com as mãos.

A quantidade de gordura é sensivelmente metade do peso da massa base.

Dobragem:
Nos desenhos ao lado pode ver-se como se dobra a massa.

Há que ter o cuidado de a virar sempre para o mesmo lado.

Nos desenhos, para a esquerda de quem prepara a massa.

A 6.ª volta pode ser dada em livro.

Isto é, estende-se numa tira comprida, levam-se as pontas até ao meio da tira e dobra-se ao meio, ficando 4 folhas.

Corte:
Depois de estendia com a espessura desejada a massa é cortada com um objecto-faca ou corta-massas muito afiado para cortar sem calcar a massa.

Quando não se quer que a massa suba muito (caso de tartes) pica-se a massa com um garfo.

Geralmente os bordos da massa folhada são golpeados com pequenos golpes oblíquos para evitar que as folhas se separem desordenadamente.

Cozedura:
A massa folhada deve ser cozida em tabuleiros ligeiramente passados por água fria, nunca untados com gordura que queimaria provocando mau sabor e fumos indesejáveis.

A temperatura deve ser geralmente forte, entre 220ºC e 240ºC.

Quanto maiores forem as peças menos o calor deve ser forte.

É o caso dos vol-au-vents que ficariam queimados por fora e crus por dentro.
imprimir

« Voltar

ACESSO

» Webmail
» Definir como página inicial

Publicidade

TEMPO EM AVEIRO


Inovanet
INOVAgest ®