PAQUISTANESES SUSPEITOS DE AUXÍLIO À IMIGRAÇÃO ILEGAL

Responsáveis de uma empresa de telecomunicações da cidade de Coimbra foram identificados pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) por auxílio à emigração ilegal e falsificação de documentos. Segundo fonte do SEF, os suspeitos, de origem paquistanesa, ludibriariam outros paquistaneses com promessa de contrato de trabalho que lhes permitiria, ao abrigo da lei portuguesa, a regularização da sua situação no país.


Diário de Aveiro


Portal d'Aveiro - www.aveiro.co.pt